Carregando TV, aguarde...
Fechar
Você está em: Edificação » Palavra Profética » Até o Fim!

Até o Fim!

A- A+

Temos que estar preparados para todo e qualquer tipo de situação em que venhamos a ser provados.

Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho.
Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade.
Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece.
Filipenses 4:11-13

 

Uma das maiores sutilezas de Satanás é fazer as pessoas acreditarem que se servirem a Deus nunca mais passarão por sofrimentos ou jamais terão qualquer tipo de necessidade.

Isso é uma grande mentira! E muitos não terminam sua jornada firmes na fé por que entram em conflito quando se deparam com o sofrimento.

A grande verdade da Palavra é que temos que estar preparados para todo e qualquer tipo de situação em que venhamos a ser provados.

O testemunho do apóstolo Paulo é de que ele aprendeu a viver em qualquer circunstância, na necessidade e na abundância!

Muitos usam a sua afirmação “Tudo posso naquele que me fortalece” como uma garantia de que podemos “conquistar tudo”, mas o contexto da afirmação de Paulo revela que ele podia “suportar tudo”.

Ele relata também que sofria com “espinho na carne” que o afligia em todo tempo. Não se pode afirmar com certeza o que era o “espinho na carne “ referido por Paulo, se era uma enfermidade, um problema de visão, perseguições ou algum tipo de tentação que ele tinha que suportar. Há muitas especulações sobre isso, mas é certo que era algo que lhe impunha um grande sofrimento. No próprio entendimento de Paulo, este sofrimento tinha o propósito de o conservar em uma postura de humildade diante da obra grandiosa que Deus fazia em sua vida e da forma como o usava. 

E, para que não me exaltasse pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás para me esbofetear, a fim de não me exaltar. 2 Coríntios 12:7

Muitas vezes o sofrimento em nossa vida tem um propósito, quer o compreendamos como Paulo ou não! Em todo o tempo precisamos confiar que Deus é soberano e Ele sabe muito bem o que faz ou o que permite!

O fato é que nós priorizamos o conforto e a tranqüilidade e Deus sempre priorizará o nosso caráter e a nossa vida eterna! Afinal, Ele nos quer parecidos com Jesus e vivendo eternamente com Ele, ainda que isso custe momentaneamente a perda do nosso conforto e tranqüilidade!

A alguns dias li o testemunho de um jovem casal que está enfrentando um momento muito difícil! A jovem esposa recebeu o diagnóstico de um câncer extremamente agressivo que a coloca em sérios riscos de vida e lhe traz intenso sofrimento, porém a declaração de seus lábios é extremamente desafiadora pra nós, que vivemos nos queixando de problemas muito menores!

_”Estou vivendo como sempre deveria ter vivido! Na dependência de Deus e na expectativa da glória!” – É o que ela tem declarado durante a sua luta.

A questão que nos confronta não é se temos fé para sermos curados, mas se temos fé para permanecermos firmes ainda que não sejamos curados!

O que é maior? Exibir a fé porque prosperou, porque enriqueceu, porque conquistou bens e tranqüilidade nesse mundo ou ter o testemunho chancelado pela aprovação de Deus de que guardou a fé apesar de todas as adversidades a que foi submetido?

Não defendo a tese de que o cristão precisa buscar o sofrimento, mas sim de que deve estar pronto para ele!

O que será de muitos de nós quando vier a grande tribulação anunciada por Jesus! Quantos suportarão? Quantos sustentarão a profissão de sua fé?

Temos visto, já nos nossos dias, irmãos nossos sendo executados, decaptados, queimados vivos por declararem sua fé em Jesus!

Se vemos tantos negarem a fé e abandonarem a Igreja por coisas tão pequenas! Pulam do barco porque não gostou do jeito que o pastor falou; porque não concorda com isso ou com aquilo; porque o culto demora muito; porque a bênção que esperava não veio; ou porque qualquer outro motivo, o que acontecerá quando a provação vier pra valer?

Que nossa decisão seja a de permanecermos fiéis até as últimas conseqüências

...Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida”. Apocalipse 2:10

Perdeu o emprego? Isso ainda não é maior que a morte!

Está enfermo? Isso também não é maior que a morte!

Está decepcionado com alguém? A morte é muito pior!

Enfim, haja o que houver, não temos outra alternativa, a não ser permanecermos fiéis até o fim!

Se você pensa que Deus está sendo muito exigente com você, saiba que Ele, se colocando na condição humana, impôs a si mesmo esta mesma exigência

De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus,
Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus,
Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens;
E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo,
sendo obediente até à morte, e morte de cruz.
Filipenses 2:5-8

Se Ele foi fiel até o fim, não temos desculpas para não ser também.

Vamos juntos! Até o fim!

Edifique-se

Comunidade Cristã de Ribeirão Preto - Rua Japurá, 829 - Ipiranga
Ribeirão Preto SP - CEP 14055-100 - Fone: +55 16 3633-5957
comcrist@comcrist.org
Desenvolvido por Atual Interativa