Carregando TV, aguarde...
Fechar
Você está em: Edificação » Doze Cestos Cheios » Resposta a revista Forbes

Resposta a revista Forbes

A- A+

Nosso querido Zé Mauro responde a matéria divulgada pela imprensa com a clara intenção de macular a imagem do pastor

A revista Forbes deveria fazer uma matéria mostrando, não apenas uma meia dúzia de pastores que enriquecem com o Evangelho, mas com a lista de milhares de pastores e missionários que vivem literalmente pela fé, sem ter direito trabalhista algum; que vão a lugares que o governo nem se lembra e que a televisão não faz questão de mostrar; que não terão direito a aposentadoria quando envelhecerem; que sacrificam suas famílias; que gastam horas orando pelos problemas de outras pessoas e entram pelas madrugadas colocando panos quentes para evitar divórcios; que vão aos becos buscar jovens viciados, esquecidos pelas autoridades e até pela própria família; que passam meses juntando um dinheirinho para comprar um eletrodoméstico, porque se forem às Casas Bahia, apesar de serem pessoas idôneas e que pagam seus compromissos em dia, não terão o crediário aprovado pelo simples fato de serem pastores; que apesar de serem gente de princípios, homens e mulheres tementes a Deus e, em muitos casos, que deixaram profissões lucrativas para trás, diplomas de curso superior na gaveta, enfrentando o desaforo dos familiares que os chamam de loucos por abandonarem futuros promissores a fim de se dedicarem ao ministério, sem sequer saber se teriam salário, e ainda têm que manter a sobriedade e não se abater ao verem a cara de desconfiança e muitas vezes de desprezo das pessoas, ao se identificarem como pastores... Seria mais justo se a Forbes mostrasse essa realidade, que é a da imensa maioria dos líderes evangélicos.

Ainda assim, apesar de levantes como esse do inferno para tentar generalizar e descredibilizar a figura do pastor, tenho certeza que Deus continuará levantando seus profetas, homens e mulheres que "pagam o preço", que não se vendem, que não negociam a fé, que dão a vida pelo chamado e obedecem sempre, simplesmente porque quem os chamou foi o Senhor, e quando Deus chama, a única alternativa é obedecer.

Se Deus chamou você para ser um pastor, um missionário, não desista. Esqueça as pedradas e siga em frente. Vale a pena! Não por dinheiro, não por honra humana, mas por amor a Cristo e ao seu reino. Seja diferente! Faça a diferença!

 

Por autor

Edifique-se

Comunidade Cristã de Ribeirão Preto - Rua Japurá, 829 - Ipiranga
Ribeirão Preto SP - CEP 14055-100 - Fone: +55 16 3633-5957
comcrist@comcrist.org
Desenvolvido por Atual Interativa